Como os gatos se comunicam?

Dois gatos sentados na sujeira



Os gatos não podem falar com palavras humanas, mas isso não significa que eles não se comuniquem com outros gatos. Os gatos têm muitas maneiras de se comunicar com seus companheiros felinos, mesmo que nem sempre seja aparente.

A linguagem corporal de um gato também pode ser extremamente vital para entender como dono de um gato. É uma das principais maneiras de determinar os sentimentos e pensamentos de um gato.





No entanto, existem outras maneiras pelas quais os gatos se comunicam que não conseguimos entender. Os gatos costumam se comunicar uns com os outros com feromônios. Como humanos, não podemos nem sentir o cheiro deles.

Embora a linguagem do nosso gato não esteja totalmente disponível para nós, está disponível para outros gatos. Em muitos casos, a comunicação dos gatos não mudou muito desde que eram animais selvagens há milhares de anos.



divisor de pata de gato único hepper

Sinais físicos

Gato laranja parecendo sério

Crédito de imagem: lagunabluemolly, Pixabay

cachorro dread

A maioria das pessoas sabe que os gatos se comunicam por meio de sinais físicos. Quais dicas significam o que pode ser um pouco complicado, no entanto.

Os gatos têm uma habilidade inata de entender outros gatos (essa habilidade provavelmente é praticada entre irmãos da mesma ninhada). Os humanos não, então os donos de gatos não entendem muitas dicas físicas.

A cauda de um gato desempenha um papel significativo em sua comunicação. Os gatos vão contrair o rabo de maneiras diferentes e acenar para frente e para trás. A direção, velocidade e localização do movimento da cauda podem dizer muitas coisas a outro gato. Para as pessoas, é um pouco mais complicado. Muitas vezes, os movimentos da cauda do gato podem mudar de significado apenas acelerando um pouco.

Como falantes estrangeiros desta língua, os donos de gatos que conseguem distinguir os vários movimentos da cauda podem parecer fúteis.

Os olhos também são uma grande parte da linguagem corporal. Por exemplo, o piscar lentamente é uma indicação comum de contentamento. Se um gato piscar lentamente os dois olhos para você (ou outro gato), eles provavelmente estão convidando você para um contato mais próximo.

Se você piscar de volta, seu gato pode até trotar e deitar no seu colo!

O comportamento agressivo geralmente é fácil para as pessoas descobrirem. Se um gato levanta as costas e vira de lado para você, ele não está se divertindo. Cabelos arrepiados e orelhas achatadas também são sinais claros de agressão.

Os gatos podem ler esses sinais em alto e bom som. Eles são pronunciados, o que provavelmente é o motivo pelo qual os gatos os usam na tentativa de evitar brigas.

Os meandros da linguagem corporal do gato são muito complicados para entrar aqui. Existem livros inteiros escritos sobre o assunto, que você pode querer ler se quiser entender melhor os gatos.

dogo argentino american pit bull terrier

Vocalizações

gato abissínio miando

Crédito de imagem: Nova África, Shutterstock

O som de gato mais comum é o Miau . Na maioria das vezes, as pessoas parecem pensar que podem interpretar miados. No entanto, isso nem sempre é o caso. Existem muitas nuances quando se trata de um gato miando, e as especificidades podem diferir de gato para gato.

Estudos mostraram que as pessoas são terríveis em interpretar miados, e os gatos parecem entender isso. Eles podem ajustar seus miados para ajudar as pessoas ao seu redor a entender melhor seu estado emocional.

Os gatos podem miar para as pessoas com frequência, mas não parecem praticar tanto esse comportamento com outros gatos. Na maioria das vezes, os gatos parecem guardar seus miados para as pessoas. É a maneira deles se comunicarem conosco porque temos dificuldade em interpretar seus outros métodos de comunicação.

beagle pocket

Na maioria das vezes, os gatos não miam um para o outro. Não é que os gatos não possam entender o miado de outro gato – simplesmente não é a maneira mais direta de trocar informações entre si.

Além do miado, o ronronar é uma ferramenta de comunicação padrão. No entanto, é mais multifacetado do que a maioria das pessoas acredita. O ronronar nem sempre é igual à felicidade. Alguns gatos podem ronronar quando estão com dor ou doentes.

Assobios e rosnados geralmente são fáceis para as pessoas e outros gatos entenderem. Os gatos geralmente só silvam para outros gatos como último recurso. Se seus outros métodos de comunicação forem ignorados, um silvo pode estar em ordem.

Normalmente, um gato sibilante está tentando fazer o outro gato voltar. É uma maneira de se comunicar sem começar uma briga. Na natureza, as lutas podem ser potencialmente mortais. Portanto, os gatos costumam fazer muito barulho e comunicar seu desconforto de muitas maneiras diferentes antes de começarem a brigar.

Feromônios

Gato branco e ruivo e gato preto e branco sentado em uma bandeja de areia

Crédito de imagem: Leoniek-van-der-Vliet_Shutterstock

Os gatos podem se comunicar através do cheiro. Às vezes, podemos sentir esses aromas. Afinal, é difícil não sentir o cheiro da urina do gato. Mas outras vezes, não podemos. A maioria dos feromônios de gatos passa totalmente despercebida pelos narizes humanos. Nós nunca precisamos cheirá-los, então nunca desenvolvemos a habilidade de sentir o cheiro deles.

Mas os feromônios são óbvios para outros felinos e podem dizer muito sobre um gato.

Os gatos têm glândulas odoríferas espalhadas por todo o corpo, inclusive na testa, bochechas e queixo. Eles secretam óleos dessas glândulas odoríferas que têm cheiros particulares e depois os esfregam contra outras coisas.

Se você já se perguntou por que os gatos esfregam a cabeça em tudo, é por isso! Eles estão espalhando seus feromônios para outros gatos (e potencialmente para nós, na mente de um gato).

cachorro shih tzu preto e branco

Os gatos também trocam seus cheiros esfregando-se uns contra os outros. O aliciamento comunitário desempenha a mesma função. Os felinos que são particularmente próximos podem fazer isso para que tenham o mesmo cheiro, embora também possa ser usado como forma de comunicação.

Quando os gatos marcam uma área com suas glândulas odoríferas, isso geralmente não significa muito para nós. Não podemos sentir o cheiro ou detectar que os óleos estão lá.

Por outro lado, os gatos também marcam com urina , que notamos. Felizmente, os gatos não fazem isso com muita frequência. Não é uma parte inata de seu comportamento. Marcar com as bochechas é mais que suficiente para a maioria dos gatos.

Quando um gato começa a borrifar urina, provavelmente está estressado. Assim como as pessoas, os gatos podem procurar controlar mais seu ambiente quando estão estressados. Às vezes, isso inclui marcartudo na casapara manter outros gatos fora.

Contato físico

gatinhos tocando cabeças

Crédito de imagem: baklava, Pixabay

Os gatos também podem se comunicar uns com os outros através do contato físico. Se um gato bate em outro, seus pensamentos e sentimentos são bastante óbvios!

Os gatos podem se comunicar de outras maneiras menos óbvias, no entanto. Quando os gatos se esfregam, eles geralmente se comunicam usando suas glândulas odoríferas. Esse comportamento ajuda os gatos a misturar seus aromas, o que pode ser útil se eles precisarem se encontrar novamente.

Muitas vezes, os gatos só se esfregam em outros gatos que conhecem e gostam. Pode ser uma posição vulnerável, então os gatos não tentarão a menos que confiem no outro. Este fato por si só o torna uma ferramenta de comunicação útil para os gatos. Eles estão dizendo um ao outro que são amigos confiáveis.

divisor de pata de gato único hepper

Pensamentos finais

Os gatos se comunicam com outros gatos de maneira diferente do que com as pessoas.

Para nós, eles miam muito. Esse comportamento provavelmente evoluiu depois que eles foram domesticados. Parece ser a maneira mais fácil para eles se comunicarem conosco, embora sejamos péssimos em entendê-lo.

Entre si, os gatos usam mais linguagem corporal e feromônios para comunicação. Eles usarão vocalização, especialmente assobio e rosnando, mas isso é muito menos comum. Na maioria das vezes, os gatos são bons em transmitir seu ponto de vista sem nunca abrir a boca.

especies de husky

Há muitas partes da comunicação de gato para gato que nunca entenderemos, simplesmente porque não somos gatos. Muitos de nós nem imaginam como seria se comunicar através do olfato!


Crédito da imagem em destaque: dendoktoor, Pixabay

Conteúdo